A Filarmônica de Berlim

berlim-vip-filarmonicadeberlimSe Berlim não for a capital mundial da cultura, está perto de ser. Hoje vou escrever sobre mais uma maravilha de Berlim: a Filarmônica de Berlim.

A Orquestra Filarmônica de Berlim (Berliner Philharmoniker) foi fundada em Berlim no inverno de 1882 sob o comando do maestro Benjamin Bilse. Em 2006, foi considerada a segunda melhor orquestra da Europa na lista “Top Ten European Orchestras”.

Desde 1963, a residência da orquestra tem sido a Philharmonie, que foi inaugurada no dia 15/12/1963 com a apresentação da Quinta Sinfonia de Beethoven, regida pelo maestro Herbert von Karajan, que conduziu a orquestra de 1955 até abril de 1989.

O prédio da Filarmônica tem dois salões: o auditório principal (o Kammermusiksaal) com capacidade para 2.440 pessoas e a sala de música de câmara que tem 1.180 lugares. No auditório principal, o palco está montado na parte de baixo do salão; não exatamente no centro geométrico, mas a orquestra é cercada pelo público que fica nas arquibancadas ao redor. Apesar da grandeza da sala, você tem uma atmosfera intimista e excelente acústica.

Desde 2002 o maestro principal é Sir Simon Rattle, de Liverpool. Ele desenvolveu um projeto em que a Filarmônica de Berlim finalmente passou a se dedicar ao ensino. Os músicos deslocam-se até o espaço urbano para dar aulas e fazer música: nas escolas, nos hospitais e também em áreas socialmente problemáticas da cidade.

Dia 18 de Dezembro de 2008 a orquestra anunciou a criação do Digital Concert Hall: sala de concertos virtuais da Filarmônica que permite que se assista algumas apresentações da Orquestra de qualquer parte do mundo pela Internet.

E desde 2007, foi dada ao público a chance de assistir concertos de graça. O projeto se chama Lunchkonzerte, ou seja, consertos de almoço. Todas às terças-feiras, às 13h (entre setembro e junho), os melhores músicos de Berlim fazem apresentações de graça que duram entre 30 e 40 minutos. Quem chegar cedo consegue uma mesa no restaurante e pode assistir os concertos comendo e bebendo algo. Os outros acomodam-se pelas escadas ou no chão do foyer mesmo. Mas os concertos são tão bons que após alguns acordes, o público já esquece o desconforto.

Se você não tem muito tempo ou a grana está curta, o Lunchkonzerte pode ser uma ótima opção. Mas podendo, não deixe se assistir um concerto no auditório principal. É uma experiência única!

E deixo vocês com uma pequena amostra da Orquestra:

 

Os comentários estão desativados.

Facebook
Facebook
Google+
Twitter
Visit Us
Instagram