Dahlem – o luxo de uma vida simples

Dahlem – o luxo de uma vida simples

Hoje fui passear em Dahlem. Um dos bairros mais ricos de Berlim, cheio de mansões elegantes, onde moram pessoas proeminentes como Joachim Gauck, o ex-presidente da Alemanha. Mas o que me chamou a atenção é que na verdade ao sair da estação de metrô tive a impressão que estava chegando num pequeno vilarejo que parou no tempo. A própria estação já é uma casinha no estilo enxaimel, que dá numa praça com flores e uma linda igrejinha, a St.-Annen-Kirche, de mais de 700 anos. Em seguida avistei o charmoso restaurante Alter Krug,que funciona numa casinha de 1865, onde almocei. Do outro lado da rua, existe um  prédio onde funciona uma empresa agrícola, a Domäne Dahlem, que tem um museu agrícola ao ar livre com legumes, frutas, animais e uma loja de produtos naturais. Visitei também lindas lojinhas, livrarias, lindos cafés e o museu da Cultura Européia. Do outro lado da rua, uma enorme loja de plantas e itens de jardinagem. E para terminar,  em Dahlem, também se encontra a Freie University ou a Universidade Livre de Berlim, fundada em 1985, e que recebeu esse nome porque foi fundada durante a Guerra Fria no setor Americano, com a missão de ministrar aulas livre de influência política, enquanto que a Universidade Humboldt, mais antiga, estava no setor controlado pela União Soviética. A FU é uma das mais importantes universidades da Alemanha e cinco de seus acadêmicos receberam o Prêmio Nobel até hoje. No seu campos se encontra a maravilhosa Biblioteca de Filologia, uma obra de Norman Foster, com 750.000 livros. Lá perto encontra-se também o Jardim Botânico e a floresta Grunewald. Mas isso fica para um outro artigo.
Foi um dia extremamente agradável com momentos muito especias. Saboreei um almoço delicioso e farto num lugar aconchegante, bonito e com preço bastante razoável. Visitei um museu e um linda livraria. Comprei feijão preto e ervilhas secas orgânicas, fotografei porcos e comprei plantas. Além disso, passeei pelos corredores da universidade e por falta de tempo, cheguei apenas na entrada da biblioteca. Mas pretendo voltar em breve.

Dahlem é realmente um luxo. Porque o que senti hoje foi que o verdadeiro luxo do mundo moderno está na beleza e na paz que a vida simples oferece. E essa simplicidade eu encontrei hoje aqui, nesse bairro que fica dentro de uma das maiores e mais modernas cidades do mundo,  a 14km do centro da antiga Berlim Oriental, a Alexanderplatz, e a 8km do centro da antiga Berlim Ocidental, a estação Zoologischer Garten. Mais um motivo que faz Berlim ser uma cidade fascinante com várias facetas, muitas surpresas e de infinitas possibilidades.

Abaixo algumas fotos.

Estação de metrô Dahlem-Dorf

Restaurante Alter Kruge

St.-Annen-Kirche

Domäne Dahlem

Museu da Cultura Européia

Uma das mansões

Freie Universität

Biblioteca de Filologia

Os comentários estão desativados.

Facebook
Facebook
Google+
Twitter
Visit Us
Instagram